empresas-que-administram-condominios-administradora-de-condominios-em-belo-horizonte

A administração de condomínios não é uma tarefa simples. Você precisa se preocupar com serviços de manutenção, atividades operacionais, gerenciamento de colaboradores, administração, contabilidade, entre outros. Além disso, o síndico ainda deve estar sempre atento e disposto a prover bem-estar eu ótimo relacionamento entre os condôminos.

É por isso que sempre falamos de gestão condominial, empresas que administram condomínios, administradora de condomínios em BH, síndico profissional, entre outros. Esses serviços podem facilitar a vida do síndico, do corpo administrativo do condomínio e dos moradores. São serviços que vão ajudar a organizar as finanças do condomínio, entre outros.

Administradora de condomínios em BH

Preparamos, a seguir, algumas dicas sobre a e gestão condominial.

  1. Atenção às contas: ter uma administradora que tome conta das contas e dos assuntos financeiros e trabalhistas é muito importante. Mas, mesmo assim, é preciso ficar atento as contas, pois a responsabilidade é, exclusivamente, do síndico.
  2. Orçamento: faça cálculo das despesas (peça ajuda para empresas administram condomínios) do ano anterior, acrescentando os reajustes legais.
  3. Gestão de inadimplentes: uma das dicas principais e mais importantes para um administrador de um condomínio residencial é a gestão dos inadimplentes. A taxa de inadimplência em condomínios em BH é alta, portanto, algumas providencias tem que ser tomadas para minimizar o prejuízo.
  4. Fundo de reserva: importante cobrar uma taxa para fundo de reserva a fim de provisionar uma verba para emergências.
  5. Evite surpresas: o 13º salário e as férias dos funcionários de condomínios em BH devem ser provisionados durante o ano e aplicados em investimentos. Assim, não surgem surpresas ao longo e no final do ano.
  6. Provisionamento de despesas periódicas: algumas despesas, mesmo que não sejam mensais, merecem uma atenção. Despesas como limpeza das caixas d’agua, recarga dos extintores de incêndio, dedetização de áreas comuns, impermeabilização de algumas estruturas do edifício, entre outros.
  7. Parcelamento de despesas: algumas despesas devem ser sempre divididas em parcelas mensais e iguais. Isso evita o pagamento de altas taxas condominiais e facilita aos condôminos a maneira com que eles administram suas obrigações financeiras.
  8. Conselho fiscal: o conselho é fundamental para ajudar o síndico a gerir positivamente as contas. O síndico deve utilizar dele o tanto quanto possível, apresentando os balancetes e solicitando autorização para decisões a serem tomadas.
  9. Documentação: é de extrema importância que o síndico e a administradora de condomínios em Belo Horizonte guardarem devidamente as notas fiscais de tudo que for adquirido em produtos e serviços. Isso irá facilitar a prestação de contas.
  10. Decisões baseadas nas Leis Condominiais: se você é síndico, baseie suas decisões no regulamento interno para evitar ações indevidas.
  11. Assembleias: toda e qualquer tomada de decisão, a prestação de contas, entre outros assuntos, deverá ser discutida em assembleias. Dessa maneira o síndico passa uma imagem de transparência e efetividade.

Gestão Condominial

A administração de um condomínio não é simples e contar com empresas que administram condomínios pode facilitar, e muito, o trabalho do síndico. Mesmo com uma administradora de condomínios é importante ressaltar que as responsabilidades legais do condomínio são do síndico. Qualquer tipo de problema que acontecer, o síndico poderá responder legalmente na justiça.

Gostou das dicas? Entre em contato conosco e saiba mais sobre administração de condomínios e síndico profissional.

Referências: ADM Qualita, Tudo Condo, Smartcom System

Share This

Compartilhe!

WhatsApp chat